Campeonato Brasileiro 1987

De Clube Atletico Mineiro - Enciclopédia Galo Digital
Ir para: navegação, pesquisa
Campeonato Brasileiro Brasil.png
1971 Taça do Campeonato Brasileiro.png197219731974197519761977197819791980198119821983198419851986198719881989199019911992199319941995199619971998199920002001200220032004200520062007200820092010


Campeão


Taça do Campeonato Brasileiro.png

Sport Club do Recife
1º título



Rebaixados para a Série B 1988

Não houve rebaixamento.

Promovidos da Série B 1986

Em 1986 a CBF não realizou a segunda divisão, os clubes da série B disputaram o mesmo campeonato com os clubes da série A. O Conselho Nacional de Desportos e a CBF decidem que os 24 melhores colocados da Copa Brasil de 1986 disputariam a 1ª divisão do ano seguinte. O CND como maior instância esportiva na época, era também a maior autoridade no Futebol. Tinha poderes plenos para fazer intervenções no Campeonato Brasileiro de Futebol, revogar determinações da CBF e contrariar a entidade. Em 1986, o CND, a contragosto da CBF, deu o ganho dos pontos em favor do Joinville-SC na partida em que seu adversário, o Sergipe-SE, teria disputado com um jogador dopado no empate de 1x1, o que obrigou a CBF a procurar outra solução para o caso, que foi de incluir mais três clubes eliminados, já que essa resolução deixaria o Vasco-RJ fora da competição. Clubes que historicamente tinham um retrospecto regular na competição como Botafogo-RJ e Coritiba-PR ficariam de fora dessa lista para o ano seguinte, mas se sentido prejudicados com o "inchaço" do campeonato entraram com um processo na Justiça Comum.

Até 1986 ainda não existia o sistema de rebaixamento, esse critério só foi adotado, na prática por imposição da FIFA, a partir da Copa União de 1988 (que foi vencida pelo Bahia-BA), o único critério válido para se classificar para o campeonato nacional da primeira divisão, até então, era obtendo as primeiras colocações nos campeonatos estaduais (portanto, era possível que o vice-campeão ou o 4ª colocado não disputasse o campeonato da 1ª divisão no ano seguinte).

A CBF quando decidiu organizar o campeonato que chamou de Módulo Amarelo usou como critério a participação dos clubes que se classificaram até a 28ª colocação da Copa Brasil de 1986 que não estavam na Copa União, mas faltou com o critério quando deixou de incluir a Ponte Preta em favor do Sport e do Vitória que participaram apenas como convidados.

O Módulo Amarelo era composto pelos seguintes clubes : América-RJ, Atlético-PR, Atlético-GO, Bangu-RJ, Ceará-CE, Criciúma-SC, CSA-AL, Guarani-SP, Inter de Limeira-SP, Joinville-SC, Náutico-PE, Portuguesa-SP, Rio Branco-ES, Sport-PE, Treze-PB e Vitória-BA. Como forma de protesto, o América decidiu boicotar o campeonato organizado pela CBF, deixando de comparecer aos jogos e perdendo todos por WO, pois estava ciente de que os participantes da Copa União nunca iriam reconhecer o Módulo Amarelo como primeira divisão, e por isso, jamais iriam ceder ao cruzamento entre os dois módulos. [carece de fontes?]

A CBF organizou ainda outros dois módulos: Azul e Branco, que classificavam 12 equipes para a segunda divisão de 1988.

Ironicamente o regulamento imposto pela CBF que previa o cruzamento entre os campeões e vice de cada módulo, no entanto, se tornaria inviável no final das contas, pois no Módulo Amarelo não ficou definido quem era o vice, os finalistas Sport-PE e Guarani-SP após uma prorrogação empataram nos pênaltis em 11 x 11 e dividiram o título em um acordo entre eles.

Fórmula de Disputa

Primeira Fase: 16 clubes, jogando todos contra todos em turno único, mas organizados em duas chaves de 8 para efeito de classificação. Na primeira etapa (8 rodadas), os clubes da chave A jogam contra os da chave B; na segunda etapa (7 rodadas), todos os jogos são entre clubes da mesma chave. Em cada uma das duas etapas, classifica-se para a próxima fase o primeiro colocado de cada chave.

Fase Final (com semifinais e final): sistema eliminatório, em ida-e-volta. No caso de um mesmo clube ter vencido a sua chave nas duas etapas da fase anterior (abrindo vaga, portanto, para o segundo colocado da segunda etapa), este joga por dois empates na semifinal. Nos demais confrontos, dois empates (ou empate na soma dos placares dos dois jogos) levaria a prorrogação e disputa de pênaltis.

Clubes Participantes

Região Centro Oeste e Nordeste
Goiás Bandeira de Goiás.png Bahia Bandeira da Bahia.png Pernambuco Bandeira de Pernambuco.png
Goiás Bahia Santa Cruz


Região Sudeste
Minas Gerais Bandeira de Minas Gerais.png Rio de Janeiro Bandeira do Rio de Janeiro.png São Paulo Bandeira de São Paulo.png
Atlético Botafogo Corinthians
Cruzeiro Flamengo Santos
Fluminense São Paulo
Vasco Palmeiras


Região Sul
Paraná Bandeira do Paraná.png Rio Grande do Sul Bandeira do Rio Grande do Sul.png
Coritiba Grêmio
Internacional

Jogos do Atlético

Número da Partida Primeira fase do Brasileirão
Rodada Data Time 1 Placar Time 2 Estádio
13/09/1987 Atlético 5 x 1 Santos-SP Mineirão
19/09/1987 Atlético 0 x 0 Internacional-RS Mineirão
27/09/1987 Vasco-RJ 2 x 1 Atlético Maracanã
30/09/1987 Goiás-GO 0 x 1 Atlético Serra Dourada
03/10/1987 Atlético 2 x 0 Coritiba-PR Mineirão
08/10/1987 São Paulo-SP 0 x 1 Atlético Pacaembu
11/10/1987 Atlético 0 x 0 Cruzeiro-MG Mineirão
18/10/1987 Atlético 3 x 1 Fluminense-RJ Mineirão
23/10/1987 Grêmio-RS 0 x 0 Atlético Olímpico
10ª 28/10/1987 Botafogo-RJ 0 x 0 Atlético Maracanã
11ª 01/11/1987 Atlético 1 x 0 Flamengo-RJ Mineirão
12ª 08/11/1987 Atlético 2 x 0 Santa Cruz-PE Mineirão
13ª 12/11/1987 Corinthians-SP 1 x 2 Atlético Pacaembu
14ª 15/11/1987 Bahia-BA 1 x 1 Atlético Fonte Nova
15ª 22/11/1987 Atlético 1 x 0 Palmeiras-SP Mineirão


Número da Partida Quartas-de-final
Rodada Data Time 1 Placar Time 2 Estádio
Ida 29/11/1987 Flamengo-RJ 1 x 0 Atlético Maracanã
Volta 02/12/1987 Atlético 2 x 3 Flamengo-RJ Mineirão
Vitória
Empate
Derrota


Campanha Final

Retrospecto
Jogos V E D GP GC SG MP
Atlético 17 10 5 2 23 9 +14 34.236 pagantes

Primeira Fase

Primeira Etapa
Chave A
Time PG J V E D GP GC SG
1 Atlético¹ 14 8 6 2 0 14 3 11
2 Bandeira do Rio Grande do Sul.png Grêmio 12 8 5 2 1 8 1 7
3 Bandeira de São Paulo.png Palmeiras 9 8 4 1 3 6 7 -1
4 Bandeira do Rio de Janeiro.png Botafogo 9 8 2 5 1 6 4 -2
5 Bandeira da Bahia.png Bahia 7 8 3 1 4 6 10 -4
6 Bandeira do Rio de Janeiro.png Flamengo 7 8 2 3 3 6 8 -2
7 Bandeira de Pernambuco.png Santa Cruz 6 8 1 4 3 4 10 -6
8 Bandeira de São Paulo.png Corinthians 5 8 1 3 4 4 9 -5
Chave B
Time PG J V E D GP GC SG
1 Internacional 10 8 4 2 2 10 2 8
2 Bandeira do Rio de Janeiro.png Fluminense 9 8 3 3 2 7 6 1
3 Bandeira de Minas Gerais.png Cruzeiro 8 8 1 6 1 4 5 -1
4 Bandeira do Rio de Janeiro.png Vasco 7 8 3 1 4 10 7 3
5 Bandeira de Goiás.png Goiás 7 8 3 1 4 5 8 -3
6 Bandeira de São Paulo.png São Paulo 6 8 2 2 4 7 7 0
7 Bandeira do Paraná.png Coritiba 6 8 2 2 4 6 10 -4
8 Bandeira de São Paulo.png Santos 6 8 1 4 3 3 9 -6
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols
Segunda Etapa
Chave A
Time PG J V E D GP GC SG
1 Bandeira de Minas Gerais.png Atlético¹ 11 7 4 3 0 7 2 5
2 Bandeira do Rio de Janeiro.png Flamengo² 10 7 4 2 1 10 4 6
3 Bandeira de São Paulo.png Palmeiras 7 7 3 1 3 5 6 -1
4 Bandeira do Rio de Janeiro.png Botafogo 6 7 2 2 3 5 5 0
5 Bandeira do Rio Grande do Sul.png Grêmio 6 7 2 2 3 6 7 -1
6 Bandeira da Bahia.png Bahia 6 7 1 4 2 5 8 -3
7 Bandeira de Pernambuco.png Santa Cruz 5 7 2 1 4 6 10 -4
8 Bandeira de São Paulo.png Corinthians 5 7 1 3 3 5 7 -2
Chave B
Time PG J V E D GP GC SG
1 Bandeira de Minas Gerais.png Cruzeiro 12 7 5 2 0 12 1 11
2 Bandeira de São Paulo.png São Paulo 11 7 5 1 1 14 5 9
3 Bandeira do Rio de Janeiro.png Fluminense 8 7 3 2 2 7 6 1
4 Bandeira do Paraná.png Coritiba 6 7 2 2 3 9 12 -3
5 Bandeira do Rio de Janeiro.png Vasco 6 7 2 2 3 7 11 -4
6 Bandeira de São Paulo.png Santos 5 7 1 3 3 4 8 -4
7 Bandeira do Rio Grande do Sul.png Internacional 4 7 1 2 4 2 8 -6
8 Bandeira de Goiás.png Goiás 4 7 0 4 3 3 7 -4
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols

¹ O Atlético-MG, por ter ficado na primeira colocação nas duas etapas, entra na semifinal com o direito de dois empates.

² O Flamengo se classificou na sua chave por ter somado mais pontos na segunda etapa.

Semifinais

  Semifinais Finais
                     
 Bandeira do Rio de Janeiro.png Flamengo 1 3  
 Bandeira de Minas Gerais.png Atlético 0 2  
       Bandeira de São Paulo.png Internacional 1 0
     Bandeira de São Paulo.png Flamengo 1 1
 Bandeira do Rio Grande do Sul.png Internacional 0 1
 Bandeira de Minas Gerais.png Cruzeiro 0 0  

Classificação final

Classificação final
Time PG J V E D GP GC SG
Bandeira do Rio de Janeiro.png Flamengo 24 19 9 6 4 22 15 7
Bandeira do Rio Grande do Sul.png Internacional 18 19 6 6 7 14 12 2
Bandeira de Minas Gerais.png Atlético 25 17 10 5 2 23 9 14
Bandeira de Minas Gerais.png Cruzeiro 21 17 6 9 2 16 7 9
Bandeira do Rio Grande do Sul.png Grêmio 18 15 7 4 4 14 8 6
Bandeira de São Paulo.png São Paulo 17 15 7 3 5 21 12 9
Bandeira do Rio de Janeiro.png Fluminense 17 15 6 5 4 14 12 2
Bandeira de São Paulo.png Palmeiras 16 15 7 2 6 11 13 -2
Bandeira do Rio de Janeiro.png Botafogo 15 15 4 7 4 11 9 2
10° Bandeira do Rio de Janeiro.png Vasco 13 15 5 3 7 17 18 -1
11° Bandeira da Bahia.png Bahia 13 15 4 5 6 11 18 -7
12° Bandeira do Paraná.png Coritiba 12 15 4 4 7 15 22 -7
13° Bandeira de Goiás.png Goiás-GO 11 15 3 5 7 8 15 -7
14° Bandeira de Pernambuco.png Santa Cruz 11 15 3 5 7 10 20 -10
15° Bandeira de São Paulo.png Santos 11 15 2 7 6 7 17 -10
16° Bandeira de São Paulo.png Corinthians 10 15 2 6 7 9 16 -7
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols
Finalistas
Eliminados nas Semi-Finais
Eliminados na Primeira Fase

Artilheiros do Galo no Brasileiro 1987

Gols
Artilheiro(s)
7 Renato
5 Chiquinho
2 Batista
Marquinhos
Paulo Roberto Prestes
Sérgio Araújo
1 Marquinho Carioca
Vander Luiz
Contra P. Roberto