Gilberto Aparecido da Silva

De Clube Atletico Mineiro - Enciclopédia Galo Digital
Ir para: navegação, pesquisa
Gilberto Silva
8438076241_d972e395a2.jpg
Informações pessoais
Nome completo Gilberto Aparecido da Silva
Data de nasc. 7 de outubro de 1976 (40 anos)
Local de nasc. Lagoa da Prata-MG Bandeira de Minas Gerais.png, Brasil Brasil.png
Altura 1,85 m
Peso 74 kg
Apelido(s) Gilberto Silva
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Número 5
Posição Volante
Revelado por Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png América-MG (1997)
Princ. clubes Atlético, Seleção Brasileira, Arsenal e América Mineiro.
Atlético (Carreira)
Jogos 122
Gols 9
Estreia CAM 0 x 0 Grêmio-RS - 22/01/2000
Vitórias 61
Empates 28
Derrotas 33
Títulos Campeonatos Mineiros de 2000 e 2013
Copa Libertadores da América de 2013
Observações Participou dos 7 jogos da Sel. Brasileira
na Copa do Mundo de 2002
Assinatura
Assinatura Gilberto Silva.png
Atualizado em 8 de dezembro de 2013

Biografia

O início

Gilberto Aparecido da Silva, mais conhecido como Gilberto Silva, é um futebolista revelado nas categorias de base do América Mineiro. Natural de Lagoa da Prata, interior de Minas Gerais, viveu sua infância na cidade com seus pais e três irmãs. Aos doze anos de idade, iniciou sua carreira de futebol no América. Três anos mais tarde, precisou interromper sua passagem no clube, já que seu pai aposentara e sua mãe vivia com a saúde frágil. Retornou a cidade natal e trabalhou como operário, carpinteiro e até numa grande empresa de doces. Com salário médio de 150 reais, garantia o sustento da casa, mas ainda era pouco para os familiares. Ainda em Lagoa da Prata, retornou aos campos numa equipe local, mas sem ter o apoio financeiro do clube, não teve como prosseguir.

América

Aos 20 anos de idade, por insistência de amigos, retornou ao América e assinou um contrato como jogador profissional. Destaque no seu início do clube, foi considerado um dos melhores jogadores da equipe e participou da campanha do título do Campeonato Brasileiro Série B daquele ano. Nos dois anos seguintes, sempre esteve constante no meio-campo do time americano, mesmo com as fracas campanhas no Campeonato Brasileiro. Em 1999, foi vice-campeão mineiro após perder a decisão para o Atlético. Após o fim da temporada, o Atlético anunciou a contratação do jovem atleta para a disputa da Copa Libertadores da América de 2000.

Atlético

Gilberto Silva é apresentado na Sede de Lourdes.
Gilberto Silva é apresentado na Sede de Lourdes.

Sua estreia com a camisa alvinegra ocorreu no dia 22 de janeiro, no empate sem gols contra o Grêmio pela Liga Sul-Minas. O primeiro gol pelo Atlético ocorreu na goleada de 4 a 1 sobre o Ipatinga pelo estadual. No primeiro semestre, conquistou o Campeonato Mineiro após bater o Cruzeiro na decisão. Já no torneio continental, o Galo foi eliminado nas quartas-de-final para o Corinthians. No dia 11 de agosto, fez sua última partida na temporada. Após uma fratura na tíbia direita, ficou afastado dos gramados por 4 meses. Após realizar a pré-temporada, retornou ao time titular logo no primeiro jogo de 2001. Com pouco tempo no clube, já tinha caído nas graças da torcida e se firmava como o melhor volante do clube. O ano de 2001 seria o da afirmação do volante. No Galo, foi peça imprescindível no esquema de Levir Culpi pelo Campeonato Brasileiro. Dono da camisa 5 do Atlético, se destacou no torneio pelo ótimo posicionamento e desarmes, além do baixo número de faltas e cartões. O resultado foi a convocação para a Seleção Brasileira pelo técnico Luís Felipe Scolari. No dia 7 de novembro, fazia sua primeira partida oficial com a camisa amarelinha. Na ocasião, a Seleção foi derrotada por 3 a 1 para a Bolívia em jogo válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2002. Mesmo com a eliminação do Atlético na semifinal do Brasileirão, o ano de 2001 terminava de forma especial para o jogador: conquistou o Troféu Guará de melhor volante e craque do ano no futebol mineiro, além da convocação para a Seleção Brasileira.

Em 2002, Gilberto Silva manteve o ótimo nível no meio-campo do Atlético e já era presença constante nas convocações de Felipão. Na lista divulgada para a Copa do Mundo, o jogador foi chamado e iniciava a partir daí uma briga para quem seria titular na posição. Dias antes do início da competição, o volante Emerson machucou sozinho em um treinamento e precisou ser cortado da delegação. Desta forma, abria-se caminho para o volante do Galo no time titular. Dono da camisa 8 amarelinha, Gilberto foi titular em todos os jogos do torneio e um dos principais destaques da equipe. Com 7 vitórias em 7 jogos, o Brasil tornava-se pentacampeão mundial no Japão e Coreia do Sul. Visado por grandes clubes, o volante sequer teve a oportunidade de entrar em campo novamente com a camisa do Galo. No dia 26 de julho daquele ano, o Arsenal da Inglaterra oficializava a contratação do jovem jogador do Atlético por cerca US$ 8,5 milhões[1]. Em 95 jogos com a camisa alvinegra, Gilberto Silva marcou 9 gols e conquistou um título estadual.

Arsenal

Gilberto Silva comemora primeiro gol com a camisa do Arsenal.
Gilberto Silva comemora primeiro gol com a camisa do Arsenal.

Em sua chegada ao clube inglês, recusou vestir a camisa 6, que foi usado pela ídolo Tony Adams dos Gunners. O gesto foi visto com admiração pelos torcedores e o jogador optou em vestir a de número 19. No dia 11 de agosto daquele ano, fazia então sua estreia com a camisa do Arsenal. E não podia ser de forma melhor. Em jogo válido pela final da FA Community Shield contra o Liverpool, o jogador brasileiro entrou na segunda etapa e marcou o gol do título, garantindo o 11° título dos Gunners na competição. Com pouco tempo de clube, já era admirado pelos adeptos e se começou a se tornar titular indiscutível da equipe de Arsène Wenger dias depois. No dia 25 de setembro, marcou o gol mais rápido da história da UEFA Champions League até então. Foram necessários 20 segundos para balançar as redes do PSV. Vice-campeão da Premier League na temporada, o Arsenal garantiu pelo menos a conquista da FA Cup no primeiro semestre de 2003. Na ocasião, o time londrino venceu o Southampton por 1 a 0 e levou seu 9° título. A temporada de 2003/04 foi brilhante na história do Arsenal. Depois de 115 anos, o futebol inglês voltou a ter um campeão invicto. Em 38 jogos, foram 26 vitórias e 12 empates. De quebra, o clube teve o melhor ataque (73 gols marcados), a melhor defesa (26 gols sofridos) e o artilheiro da competição: 30 gols anotados pelo francês Thierry Henry. Na campanha, Gilberto participou de 32 das 38 partidas. Ao final da temporada, voltou a vencer a FA Community Shield. Na decisão, marcou um dos gols na vitória de 3 a 1 sobre o Manchester United. Poucos tempo depois do início da temporada 2004/05, o brasileiro começou a se queixar de dores nas costas. E no dia 27 de setembro de 2004 em uma partida contra o Bolton, um exame revelou uma fratura óssea na coluna do jogador[2][3]. A lesão, considerada séria pelos médicos do time inglês, poderia abreviar a carreira do atleta. Gilberto Silva voltou ao Brasil para o tratamento que deveria durar cerca de 3 meses, mas o próprio técnico Arsène Wenger confirmou em novembro que jogador precisaria de pelo menos mais quatro meses para retornar aos gramados[4].

Após um bom tempo se recuperando, Gilberto Silva voltou aos gramados no dia 15 de março de 2005 em jogo do time B do Arsenal contra o também time B do Chelsea e mostrou felicidade em atuar novamente. "Foi um momento especial. Pude começar jogando uma partida depois de tanto tempo e graças a Deus não senti nenhuma dor. Participei bastante do jogo, correndo, marcando, fazendo todos os movimentos e fiquei satisfeito com o meu desempenho. Agora está na hora de buscar meu lugar novamente na equipe titular do Arsenal.", disse o volante[5]. No dia 21 de maio daquele ano, ganharia seu último título com a camisa do Arsenal. Na decisão da FA Cup, vitória de 4 a 3 nos pênaltis sobre o Manchester United, após empate sem gols no tempo regulamentar. No fim da temporada, foi convocado para a Copa das Confederações pelo técnico da Seleção Brasileira, Carlos Alberto Parreira. O torneio foi disputado na Alemanha e o Brasil passeou em território alemão. Na decisão contra a Argentina, goleada por 4 a 1 com direito a olé e samba. Com a camisa 17, Gilberto Silva atuou apenas no empate contra o Japão ainda na primeira fase. Com o início de mais uma temporada, Gilberto Silva foi escolhido como um líder do time em campo, após a saída de Patrick Vieira para a Juventus. Poucos dias depois, já realizava mais um feito com a camisa do time londrino. Na primeira partida oficial do Arsenal em seu novo estádio, o Emirates Stadium, Gilberto Silva marcou o primeiro gol no empate de 1 a 1 com o Aston Villa[6]. No dia 18 de outubro, vestiu a braçadeira de capitão do Arsenal pela primeira vez, na partida contra o Sparta Praga. Embora tenha terminado o campeonato nacional em 4° lugar, o clube chegou a decisão da UEFA Champions League. Na grande final disputada no estádio Wembley, os Gunners saíram na frente no placar, mas levaram a virada para o Barcelona, deixando escapar a chance de conquistar o título inédito na história do clube.

Convocado para a Copa do Mundo na Alemanha, Gilberto atuou em 4 jogos (todas como titular) da campanha discreta da Seleção Brasileira. Nas quartas-de-final do torneio, o gol de Thierry Henry colocou os franceses na fase seguinte da Copa e mandou o Brasil de volta pra casa. Em sua volta ao Arsenal, recebeu a incumbência de ser o capitão da equipe, após a saída de Sol Campbell e a aposentadoria de Dennis Bergkamp. Importante jogador no esquema tático de Arsène Wenger, Giba passou a se aventurar no ataque e até virou um dos cobradores de pênalti do time. Em 47 jogos na temporada, marcou 11 gols, sendo dois dele na vitória por 3 a 0 sobre o Tottenham[7]. O bom número de gols em apenas um ano se deu ao fato do artilheiro da equipe, Thierry Henry, estar lesionado.


Pelo clube inglês, atuou por 7 temporadas com a camisa 19 e em boa parte deste tempo, foi o capitão da equipe comandada por Arsène Wenger. Logo em sua estreia, marcou o gol do título da Copa da Inglaterra. No clube londrino, venceu 4 torneios, entre eles, o Campeonato Inglês de 2002/03 de forma invicta. No início de 2008, acertou sua transferência para o Panathinaikos, da Grécia[8]. Antes de chegar ao futebol grego, foi homenageado pelos Gunners[9]. Por lá, atuou em três temporadas e conquistou dois títulos de âmbito nacional. Próximo do fim do contrato, afirmou que deixaria o clube. No dia 23 de maio de 2011, o jogador foi anunciado como novo reforço do Grêmio[10][11][12]. No clube gaúcho, foi utilizado como defensor e formou dupla de zaga com o ex-atleticano Werley. Durante os 18 meses com a camiseta do tricolor, atuou em mais de 50 jogos e marcou 1 gol. No dia 10 de novembro de 2012, o presidente Alexandre Kalil confirmou a contratação do jogador para a temporada 2013. Esta será a segunda passagem de Gilberto Silva pelo Galo e é o 1° reforço para a disputa da Copa Libertadores da América.

Volta ao Galo

Em sua apresentação ao Atlético em sua segunda passagem, destacou sua experiência e o desafio de retornar ao clube. "Quando cheguei, era um jovem de 23 anos. Hoje, tenho 36. Muita coisa se passou, muito conquistei e chego consciente de que vim para um clube em que o time está montado. Mas tenho meus objetivos para buscar e o primeiro é ajudar da melhor forma que eu puder. Vou procurar fazer a minha parte, respeitando a todos que estão aqui, que são grandes profissionais e colocaram o Atlético em uma condição privilegiada. Então, é ajudar o grupo a conquistar os objetivos que todos nós temos", comentou o atleta[13].

Seleção Brasileira

Lista de jogos em Copas do Mundo

Ficha Técnica

Nome: Gilberto Aparecido da Silva
Posição: Volante
Data de Nascimento: 7 de outubro de 1976
Local: Lagoa da Prata-MG

Carreira

Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png América-MG - 1997/1999
Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png Atlético - 1999/2002
Inglaterra.png Arsenal-ING - 2002/2008
Grécia.png Panathinaikos-GRE - 2008/2011
Brasil.png Bandeira do Rio Grande do Sul.png Grêmio-RS - 2011/2012
Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png Atlético - 2013


Brasil.png Seleção Brasileira - 2001/2010

Multimídia

08/01/2013 - Apresentação de Gilberto Silva na Cidade do Galo: <youtube250>7nMZnT9H7ZU</youtube250>

11/05/2010 - Jogador visita a Cidade do Galo: <youtube250>FQR1abZc3_o</youtube250>

14/05/2010 - Perfil do jogador no Jornal Nacional: <youtube250>6e5zgt-isDE</youtube250>

11/12/2012 - Torcida recepciona a volta do jogador: <youtube250>QGI4PAurWzY</youtube250>

Partidas Disputadas

Ano 1999

Ano 2000

200017 - 05/04/2000 - Atlético 6 x 0 Cobreloa-CHI - Copa Libertadores da América

Ano 2001

200148 - 30/09/2001 - Goiás-GO 1 x 2 Atlético - Campeonato Brasileiro
200150 - 06/10/2001 - Cruzeiro-MG 2 x 2 Atlético - Campeonato Brasileiro

Ano 2002

Ano 2013

201301 - 03/02/2013 - Cruzeiro-MG 2 x 1 Atlético - Campeonato Mineiro
201302 - 06/02/2013 - Tombense-MG 1 x 2 Atlético - Campeonato Mineiro
201305 - 26/02/2013 - Arsenal-ARG 2 x 5 Atlético - Copa Libertadores da América
201306 - 03/03/2013 - Atlético 3 x 1 Guarani-MG - Campeonato Mineiro
201307 - 07/03/2013 - Atlético 2 x 1 The Strongest-BOL - Copa Libertadores da América
201309 - 17/03/2013 - Atlético 5 x 2 América-MG - Campeonato Mineiro
201312 - 31/03/2013 - Atlético 4 x 1 Tupi-MG - Campeonato Mineiro
201314 - 07/04/2013 - Atlético 4 x 0 Boa Esporte-MG - Campeonato Mineiro
201315 - 17/04/2013 - Caldense-MG 2 x 1 Atlético - Campeonato Mineiro
201318 - 27/04/2013 - Tombense-MG 0 x 2 Atlético - Campeonato Mineiro
201319 - 02/05/2013 - São Paulo-SP 1 x 2 Atlético - Copa Libertadores da América
201320 - 05/05/2013 - Atlético 5 x 1 Tombense-MG - Campeonato Mineiro Bola de Futebol.png
201321 - 08/05/2013 - Atlético 4 x 1 São Paulo-SP - Copa Libertadores da América
201322 - 12/05/2013 - Atlético 3 x 0 Cruzeiro-MG - Campeonato Mineiro
201323 - 19/05/2013 - Cruzeiro-MG 2 x 1 Atlético - Campeonato Mineiro
201324 - 23/05/2013 - Tijuana-MEX 2 x 2 Atlético - Copa Libertadores da América
201327 - 02/06/2013 - Atlético 0 x 0 São Paulo-SP - Campeonato Brasileiro
201328 - 05/06/2013 - Vasco-RJ 2 x 0 Atlético - Campeonato Brasileiro
201329 - 09/06/2013 - Atlético 2 x 0 Grêmio-RS - Campeonato Brasileiro
201330 - 12/06/2013 - Santos-SP 1 x 0 Atlético - Campeonato Brasileiro
201331 - 03/07/2013 - Newell's Old Boys-ARG 2 x 0 Atlético - Copa Libertadores da América
201333 - 10/07/2013 - Atlético 2 x 0 Newell's Old Boys-ARG - Copa Libertadores da América
201334 - 14/07/2013 - Corinthians-SP 0 x 1 Atlético - Campeonato Brasileiro
201337 - 28/07/2013 - Cruzeiro-MG 4 x 1 Atlético - Campeonato Brasileiro
201366 - 17/11/2013 - Portuguesa-SP 2 x 0 Atlético - Campeonato Brasileiro
201367 - 23/11/2013 - Atlético 4 x 1 Goiás-GO - Campeonato Brasileiro
201369 - 08/12/2013 - Atlético 2 x 2 Vitória-BA - Campeonato Brasileiro

Títulos

1997 - Brasil.png Campeonato Brasileiro Série B - América-MG
2000 - Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png Campeonato Mineiro - Atlético
2002 - Planeta.png Copa do Mundo - Seleção Brasileira
2003/04 - Inglaterra.png Campeonato Inglês - Arsenal-ING
2003 - Inglaterra.png Copa da Inglaterra - Arsenal-ING
2004 - Inglaterra.png Supercopa da Inglaterra - Arsenal-ING
2005 - Inglaterra.png Copa da Inglaterra - Arsenal-ING
2005 - Planeta.png Copa das Confederações - Seleção Brasileira
2007 - Conmebol Logo.png Copa América - Seleção Brasileira
2009 - Planeta.png Copa das Confederações - Seleção Brasileira
2009/10 - Grécia.png Campeonato Grego - Panathinaikos-GRE
2009/10 - Grécia.png Copa da Grécia - Panathinaikos-GRE
2013 - Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png Campeonato Mineiro - Atlético
2013 - Conmebol Logo.png Copa Libertadores da América - Atlético

Outros

2001 - Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png Melhor volante do Troféu Guará - Atlético
2002 - Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png Melhor volante do Troféu Guará - Atlético
2002 - Brasil.png Bandeira de Minas Gerais.png Craque do ano do Troféu Guará - Atlético
2006 - Planeta.png 5° lugar Copa do Mundo - Seleção Brasileira

Referências

  1. Gilberto Silva se transfere para o Arsenal, acesso em 8 de outubro de 2013.
  2. Lesão tira Gilberto Silva do Arsenal por um mês, acesso em 8 de outubro de 2013.
  3. Lesão ameaça presença de Gilberto Silva na seleção, acesso em 8 de outubro de 2013.
  4. Lesão pode deixar Gilberto Silva afastado por mais quatro meses, acesso em 8 de outubro de 2013.
  5. Gilberto Silva retorna aos gramados, acesso em 8 de outubro de 2013.
  6. Gilberto Silva marca, mas Arsenal tropeça na estréia do Inglês, acesso em 9 de outubro de 2013.
  7. Arsenal vence Tottenham por 3 a 0 com gols de Gilberto Silva, acesso em 9 de outubro de 2013.
  8. Gilberto Silva troca o Arsenal pelo Panathinaikos, da Grécia, acesso em 23 de maio de 2011.
  9. Site do Arsenal agradece a Gilberto Silva, acesso em 23 de maio de 2011.
  10. Depois de Miralles, Gilberto Silva é o novo reforço do Grêmio, acesso em 23 de maio de 2011.
  11. Grêmio anuncia contratação de Gilberto Silva, acesso em 23 de maio de 2011.
  12. Grêmio anuncia contratação do volante Gilberto Silva, do Panathinaikos, acesso em 23 de maio de 2011.
  13. Retorno ao Galo motiva Gilberto Silva, acesso em 8 de janeiro de 2013.